Qual o Limite de Isenção na Venda de Ações da Bolsa

Será que você possui algum tipo de isenção em seu imposto de renda? Todo trader profissional precisa saber esse tipo de resposta, pois faz toda a diferença no momento de avaliar a qualidade de seus investimentos, além de evitar possíveis surpresas no futuro.

Confira todas as informações sobre o limite de isenção na venda de ações na bolsa e saiba se você se encaixa no perfil.

O Que Significa Isenção no Imposto de Renda?

Isenção no Imposto de Renda significa que determinado valor ou rendimento não está sujeito à cobrança de imposto de renda. Isso quer dizer que o contribuinte não precisa pagar imposto sobre esse valor ou rendimento na sua declaração de imposto de renda.

Existem diversas situações em que pode haver isenção de imposto de renda, como por exemplo:

  • Pessoas que recebem até um determinado valor de renda por ano (conforme tabela do Imposto de Renda), estão isentas de pagar o imposto.
  • Aposentados e pensionistas que recebem benefícios do INSS, até um determinado valor, também estão isentos de pagar imposto de renda.
  • Lucros obtidos na venda de bens como imóveis, desde que o valor obtido seja utilizado para a compra de outro imóvel em um prazo de 180 dias.
  • Rendimentos obtidos por portadores de algumas doenças graves, como câncer e AIDS, que podem ter isenção de imposto de renda sobre seus rendimentos.

No entanto, é importante ressaltar que mesmo quando há isenção de imposto de renda, a pessoa ainda pode ter a obrigação de declarar os seus rendimentos na sua declaração anual de Imposto de Renda, dependendo do caso.

É sempre recomendado consultar as regras específicas para cada situação de isenção de imposto de renda e buscar orientação de um profissional qualificado, como um contador, para garantir o correto cumprimento das obrigações fiscais.

Qual o Limite de Isenção na Venda de Ações da Bolsa?

O limite de isenção na venda de ações da bolsa é de até R$35.000,00 por mês para operações comuns. Isso significa que se um investidor vender ações que tenha adquirido anteriormente e obtiver um lucro líquido de até R$35.000,00 em um mês, ele estará isento de pagar Imposto de Renda sobre esse ganho.

No entanto, é importante destacar que a isenção se aplica apenas a operações comuns, ou seja, aquelas que são realizadas em bolsa de valores e com ações de empresas negociadas em mercado à vista. Operações com ações de empresas em outras modalidades de mercado (como o mercado de balcão) não são contempladas pela isenção.

Além disso, a isenção de até R$35.000,00 por mês não se aplica a day trade, que é uma modalidade de operação em que a compra e a venda das ações ocorrem no mesmo dia. Nesse caso, as operações são tributadas em alíquotas mais altas, e não há limite de isenção para o ganho obtido.

É importante lembrar que, mesmo quando a operação se enquadra no limite de isenção, o investidor ainda precisa informar a operação na declaração de Imposto de Renda, na ficha de renda variável. A isenção é automática, mas é necessário declarar a operação para fins de controle e verificação por parte da Receita Federal.